- InformNapalm.org (Português) - https://informnapalm.org/pt -

Sistema russo de guerra electrónica R-330Zh Zhitel detectado mais uma vez no Donbas

O sistema de guerra electrónica russo R-330Zh Zhitel foi repetidamente detectado na parte ocupada do Donbas ucraniano. Aparece mencionado periodicamente tanto nos relatórios da Missão Especial de Monitorização da OSCE [1] (MEM, em inglês: SMM) como nas fotografias já publicadas pela Comunidade Internacional Voluntária de Informação OSINT, InformNapalm, no decurso das suas investigações [2] OSINT. Este sistema entrou em serviço com o exército russo em 2008, e a Federação Russa tem-no implantado activamente durante toda a guerra no leste da Ucrânia, pelo menos desde 2015. Este artigo fornece alguns novos detalhes, bem como a “timeline”da identificação e avistamentos deste sistema no Donbas. [3]


O sistema R-330Zh Zhitel foi detectado mais uma vez na noite de 28 de Novembro de 2020 por um drone da SMM da OSCE de longo alcance, 4 km a noroeste da vila de Kovske [4], distrito de Novoazovsk da região de Donetsk da Ucrânia, a cerca de 5 km da fronteira com a Federação Russa. A SMM da OSCE mencionou  isso no seu relatório nº 286/2020 [5], emitido em 1 de Dezembro de 2020.

A comunidade InformNapalm recebeu a confirmação visual deste relatório. Hoje gostaríamos de publicar estes dados exclusivos. Aqui estão as coordenadas aproximadas do local onde o sistema  russo R-330Zh Zhitel foi visto novamente: 47°15’14.5″N 38°11’03.4″E.

[6]

Embora a qualidade da imagem noturna seja bastante baixa, a fotografia revela claramente as características visuais típicas do sistema R-330Zh Zhitel. Além disso, o R-330Zh Zhitel e outros sistemas de guerra eletrónica russos foram avistados [2] na parte ocupada do Donbas por um drone da SMM da OSCE no início de 2020, a 16 de Fevereiro.

[7]

A Rússia usa o R-330Zh Zhitel no Donbas pelo menos desde 2015

A primeira vez que o sistema russo de guerra eletrónica R-330Zh Zhitel foi detectado no Donbas ucraniano foi em Junho de 2015 [8], tendo sido identificado através de uma fotografia publicada nas redes sociais por um colaborador das forças de ocupação russas do Regimento de Infantaria Motorizada Separado Vostok 11 (unidade militar 08818). Foi possível determinar as coordenadas do local da fotografia: 48 ° 05’18,8 ″ N 37 ° 54’30,2 ″ E (na cidade de Makiivka, região de Donetsk). [9]

Curiosamente, em Dezembro de 2015, um comunicado de imprensa da empresa científica russa NPP PROTEK, o produtor deste sistema, anunciou a utilização do R-330Zh Zhitel em combate real (página de arquivo [10]).

Em 2016, a comunidade voluntária InformNapalm também publicou uma investigação exclusiva [11] com base na análise de capturas de ecrã da Estação de controle do sistema R-330Zh Zhitel. Essas fotografias foram obtidas por “hackers” ucranianos do grupo Trinity através do smartphone “hackeado” de um militar russo. A investigação indicou que o exército russo utilizou activamente o sistema R-330Zh nas hostilidades contra as Forças Armadas da Ucrânia fora da cidade de Debaltseve no inverno de 2015.

O sistema russo R-330Zh Zhitel já tinha sido detectado no Donbas em outras fotografias aéreas de melhor qualidade durante 2016 e 2017. Por exemplo, a fotografia abaixo foi tirada a 7 km da linha de contacto em Novembro de 2017. Coordenadas: 48 ° 37’46.3 ″ N 39 ° 12’54.1 ″ E (perto da vila de Zemlyane, região de Luhansk). Podem ler mais informação noutra investigação da InformNapalm [12]

[13]

Eis mais um exemplo da utilização do sistema R-330Zh Zhitel

Pode-se ver um exemplo típico da utilização do sistema russo R-330Zh Zhitel no seguinte vídeo:

Conclusão

Na 1267ª Reunião Plenária do Conselho Permanente da OSCE [14], realizada a 14 de Maio de 2020, a delegação da Ucrânia mais uma vez mencionou que a Rússia não havia respondido a numerosos pedidos de explicações sobre a presença, nas partes temporariamente ocupadas do Donbas, de armamento moderno russo e de equipamento militar, incluindo os sistemas de guerra eletrónica RB-341V Leer-3, R-934B Sinitsa, R-330Zh Zhitel bem como outros.

As of 2020, has listed evidence of the deployment of at least 12 types of Russian electronic warfare and signals intelligence systems in Donbas.

Em 2020, o banco de dados da InformNapalm [15] sobre a agressão russa contra a Ucrânia tem várias provas do destacamento de pelo menos 12 tipos de sistemas russos de guerra eletrónica e SIGINT [16] * (Signal Intelligence, Informações obtidas por Sinais (Electromagnéticos, etc.)


Nota do tradutor: 

* (acrónimo de signals intelligence) é o termo inglês usado para descrever a actividade de recolha de informações ou inteligência através da interceptação de sinais de comunicação entre pessoas ou máquinas.

[17]

Vejam também


Este artigo foi escrito por Roman Burko especialmente para o site da comunidade internacional voluntária de informação OSINT InformNapalm. Tradução: Helena Sofia da Costa

Distribuição e partilha com referência à fonte são bem-vindas! A comunidade InformNapalm [27] não tem nenhum apoio financeiro do governo de nenhum país ou doador, os únicos patrocinadores do projeto são os seus voluntários e leitores. Também pode ajudar o InformNapalm com uma contribuição através da plataforma Patreon [28]. Siga o InformNapalm no Facebook [29] / Twitter [30] e fique a par das novas publicações da comunidade.